dia de campo

a
Esqueceu a senha?
Quero me cadastrar
     02/07/2022            
 
 
    

A Microbacia do Rio Rancho Mundo possui uma área de 6.019 hectares, onde residem, aproximadamente, 4.500 pessoas. Está localizada no Município de Corbélia, desde sua nascente até sua foz no Rio Melissa. Como outros tantos rios da região, o Rio Rancho Mundo sofre com a influência das atividades humanas. Suas águas são contaminadas por resíduos urbanos e rurais, o que lhe confere uma péssima aparência. Muitos contam que, em outros tempos, era bom tomar banho no rio e que sua paisagem, hoje, não lembra em nada a transparência das águas que corriam em seu leito.

O sonho do rio de águas limpas, para ser verdade, teria que fazer parte da mente de muitas pessoas, no mínimo das pessoas que moram na sua microbacia. Este é o fundamento do Programa de Gestão Ambiental Integrada de Microbacia (PGAIM) que escolheu o referido rio como uma das unidades piloto para estruturação do programa em todo Estado do Paraná. 

O Grupo Gestor Local do Rio Rancho Mundo formado por representantes das comunidades rurais e entidades como Prefeitura, sindicatos, Copel, Sanepar, Emater, Secretarias de Estado ligadas à agricultura, ao meio ambiente e à educação, entre outros, traçou como primeira diretriz o aumento de integrantes no grupo para recuperá-lo.
 
Em abril de 2010 foi dado início a uma grande mobilização reunindo150 pessoas, entre moradores da microbacia e representantes de entidades, que não conheciam o problema e que não sabiam da proposta de recuperação do Rio Rancho Mundo. Naquele dia foi apresentado o diagnóstico rural elaborado pelo Engenheiro Agrônomo João Carlos Vechio, da EMATER, auxiliado pelo acadêmico de agronomia, Alexandre Francisco Giacomelli, estagiário da Prefeitura de Corbélia. Ele apresentou o assoreamento e a mudança do leito do rio devido à descarga de galerias pluviais de área urbana, o descarte de lixo em locais inadequados, o escorrimento superficial nas estradas e a ausência de área de preservação permanente nas nascentes, entre diversos outros problemas. 
 
A ambientalista Joane Covatti, da Sanepar, promoveu uma dinâmica. O rio foi representado através de uma caixa com água limpa. Cada um dos presentes levava até a caixa um resíduo poluente, o resultado final foi uma água muito parecida com a que atualmente é a do Rio Rancho Mundo. Essa dinâmica possibilitou uma reflexão e ação, ou seja, adesão de novos membros para o Grupo Gestor.
Após, outras reuniões foram realizadas, um total de sete no ano de 2010. Na última, realizada em dezembro, o Biólogo Márcio Sérgio Marafon apresentou o Programa Câmara em Ação, da Câmara de Vereadores de Corbélia, desenvolvido na linha da educação ambiental com 1.312 estudantes da rede municipal de ensino. A professora Cácia Mendes Rudnicki, técnica pedagógica no NRE de Cascavel, gostou tanto dos resultados apresentados que sugeriu estender o programa para alunos da rede estadual. Ainda nesta reunião, foram apresentadas as ações de adequação de estradas rurais e de recuperação e proteção das 90 nascentes do Rio Rancho Mundo, com a participação do Governo do Estado do Paraná, Prefeitura Municipal, EMATER, Coopavel, Sanepar e IAP. 
 
A história desse rio é igual a de muitos outros da Região Oeste, mas mostra formas de como fazer um sonho virar realidade. A ampla participação de pessoas, que como uma bola de neve vai crescendo até ser forte o suficiente para atingir os objetivos. Assim, caminha o trabalho desenvolvido pelo Grupo Gestor Local da Microbacia, em alguns momentos reanimando os atores, não deixando que desistam e trazendo sempre mais pessoas para aumentar o grupo. Há, também, momentos de pura magia que nos dão a certeza de o Rio Rancho Mundo ter suas águas limpas novamente em um futuro bem próximo.
 
 
 
Aviso Legal
Para fins comerciais e/ou profissionais, em sendo citados os devidos créditos de autoria do material e do Jornal Dia de Campo como fonte original, com remissão para o site do veículo: www.diadecampo.com.br, não há objeção à reprodução total ou parcial de nossos conteúdos em qualquer tipo de mídia. A não observância integral desses critérios, todavia, implica na violação de direitos autorais, conforme Lei Nº 9610, de 19 de fevereiro de 1998, incorrendo em danos morais aos autores.
Ainda não existem comentários para esta matéria.
Para comentar
esta matéria
clique aqui
sem comentários

Extensão Rural - Artigos já Publicados

Mudança de atitude traz benefícios a produtor de Vera Cruz do Oeste
11/01/2012

Produtores de Catanduvas apostam no cultivo do eucalipto
21/11/2011

A importância das unidades demonstrativas para transferência de tecnologias na atividade leiteira
19/08/2011

Quando o sonho do agricultor se transforma em realidade
27/06/2011

Desenvolvimento territorial
13/04/2011

A implantação de agroindústrias familiares gera trabalho e renda no meio rural
17/01/2011

Organizações de agricultores familiares se profissionalizam para entrar no mercado regional no oeste do Paraná
24/11/2010

Artesanato como opção de renda para mulheres e jovens
11/10/2010

Cultivo florestal: opção de renda para o agricultor familiar
14/05/2010

Recuperação Ambiental nas propriedades com agroindústria familiar
23/04/2010

Conteúdos Relacionados à: Água
Palavras-chave

 
11/03/2019
Expodireto Cotrijal 2019
Não-Me-Toque - RS
08/04/2019
Tecnoshow Comigo 2019
Rio Verde - GO
09/04/2019
Simpósio Nacional da Agricultura Digital
Piracicaba - SP
29/04/2019
Agrishow 2019
Ribeirão Preto - SP
14/05/2019
AgroBrasília - Feira Internacional dos Cerrados
Brasília - DF
15/05/2019
Expocafé 2019
Três Pontas - MG
16/07/2019
Minas Láctea 2019
Juiz de Fora


 
 
Palavra-chave
Busca Avançada